quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Planos de saúde terão de cobrir exames de 29 doenças genéticas a partir de janeiro de 2014

Brasília – A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) publicou normas que ampliam a cobertura obrigatória dos planos de saúde para exames de 29 doenças genéticas. A medida começa a valer a partir do dia 2 de janeiro de 2014, assim como o novo rol de procedimentos obrigatórios dos planos.

Um dos exames que deverá ser oferecido é para a análise dos genes BRCA1/BRCA2, usado na detecção de câncer de mama e ovário hereditários.

Outro incluído na lista é o teste para a diagnóstico da síndrome de Lynch, doença que aumenta o risco de câncer intestinal e outros tumores.

De acordo com a ANS, testes genéticos já eram obrigatórios, e com as novas diretrizes, ficam definidos critérios para uso da tecnologia e tratamento dessas doenças. No total, foram acertadas 22 normas relacionadas à assistência, ao tratamento e aconselhamento de doenças genéticas. Uma das exigências, por exemplo, é que o exame seja prescrito por um geneticista.

A lista com as doenças abrangidas está disponível no site da ANS, e inclui as seguintes patologias:

1. CÂNCER DE MAMA E OVÁRIO HEREDITÁRIOS - GENE BRCA1/BRCA2 

2. ADRENOLEUCODISTROFIA 

3. ATAXIA DE FRIEDREICH 

4. DEFICIÊNCIA DE ALFA 1 – ANTITRIPSINA 

5. DISPLASIA CAMPOMÉLICA 

6. DISTROFIA MIOTÔNICA TIPO I E II 

7. HEMOCROMATOSE 

8. HEMOFILIA A 

9. HEMOFILIA B 

10. MUCOPOLISSACARIDOSE

11. NEOPLASIA ENDRÓCRINA MÚLTIPLA – MEN2 

12. OSTEOGÊNESE IMPERFEITA 

13. POLIPOSE ADENOMATOSA FAMILIAR 

14. POLIPOSE ASSOCIADA AO MUTYH 

15. SÍNDROME DE ANGELMAN E SÍNDROME DE PRADER-WILLI 

16. SÍNDROMES DE DEFICIÊNCIA INTELECTUAL ASSOCIADA À ANOMALIA CONGÊNITA NÃO RECONHECIDA CLINICAMENTE

17. SÍNDROMES DE DELEÇÕES SUBMICROSCÓPICAS RECONHECÍVEIS CLINICAMENTE

18. SÍNDROME DE HIPOFOSFATASIA 

19. SÍNDROME DE LYNCH – CÂNCER COLORRETAL NÃO POLIPOSO HEREDITÁRIO (HNPCC) 

20. SÍNDROME DE NOONAN 

21. SÍNDROME DE WILLIAMS-BEUREN 

22. DOENCAS RELACIONADAS AO GENE FMR1 (SÍNDROME DO X FRÁGIL, SÍNDROME DE ATAXIA/TREMOR ASSOCIADOS AO X FRÁGIL - FXTAS E FALÊNCIA OVARIANA PREMATURA - FOP)

Um comentário:

Valdete Pereira disse...

Recebi notificação de meu convenio, que mudariam os planos de saúde para se adequar as novas regras,sem carência, mas com mudança de valores!rsrsrs
Valdete Pereira